Como chegar
 Ambulatórios
 Arquivo médico
 Centros cirúrgicos
 Ensino
 Estrutura
 Gestão
 Histórico
 Indicadores
 Internação
 Licitação
 Ouvidoria
 Pronto Socorro
 Mural Funcionários
 WEB
 
17 de setembro de 2014

Ambulatório de especialidades do Hospital São José registrou aumento dos atendimentos

Estão disponíveis no site www.hmsj.sc.gov.br os indicadores do Hospital Municipal São José referentes ao mês de agosto. Os gráficos podem ser acessados através do link “indicadores”, onde diversos dados sobre o hospital são atualizados mensalmente.

O mês de agosto apresentou um aumento significativo nos atendimentos do ambulatório de especialidades. Foram 5.326 pacientes atendidos, superando os 5.174 de julho e a média de 2014, que está em 4.616 atendimentos mensais. Outro dado importante referente ao ambulatório é o número de pacientes vindos de outros municípios. Foram 586 no mês de agosto, quase 10% do total de atendimentos.

O número de procedimentos cirúrgicos realizados no Hospital São José no mês de agosto também superou a média de 2014, que é 1.083. Foram 1.303 procedimentos, perdendo neste ano apenas para o mês de julho, que registrou 1.314. Agosto superou também as médias de 2012 e 2013, que ficaram em 966 e 1.105 respectivamente.

Sobre os indicadores

São divididos em quatro partes: dados administrativos; atendimentos; auxiliares do diagnóstico e tratamento; mapas interativos.

Dados administrativos: número de servidores, consumo de água, energia elétrica, refeições e lavanderia.

Atendimentos: números e estatísticas de atendimentos por setor, procedência e especialidade.

Auxiliares do diagnóstico e tratamento: números referentes a exames e tratamentos realizados no hospital.

Mapas interativos: disponibiliza os indicadores de forma dinâmica através de um aplicativo geoespacial baseado nas coordenadas do Google Maps. Nos mapas interativos, além de indicadores catalogados por município, estão disponíveis indicadores divididos por bairros de Joinville.


10 de setembro de 2014

Coração é captado para transplante no Hospital Municipal São José

Um procedimento de alta complexidade realizado nesta quarta-feira (10) no Hospital Municipal São José irá impactar de forma extremamente positiva um paciente do Hospital Israelita Albert Einsten de São Paulo. O coração de um joinvilense, morto em um acidente de trânsito, foi retirado do falecido no centro cirúrgico do São José – com autorização de seus familiares – e será transplantado para o receptor ainda hoje.

A captação do coração foi realizada pelo cirurgião cardiovascular Robinson Poffo, joinvilense que atualmente coordena o Centro de Cirurgia Cardíaca Minimamente Invasiva e Robótica do Hospital Israelita Albert Einstein de São Paulo. O médico contou com o auxílio de vários profissionais da saúde do Hospital Municipal São José, além da utilização da estrutura e equipamentos desta unidade.

Segundo o enfermeiro coordenador da Comissão Intra-hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT) do Hospital São José, Ivonei Bittencourt, o receptor do coração era o número um da fila nacional de pacientes que aguardam pelo órgão. “Ele está sobrevivendo com ajuda de aparelhos. É um paciente muito grave e teria pouco tempo de vida se não fosse transplantado logo”, afirma Ivonei.

Segundo Ivonei, o coração é um órgão com muitas particularidades para doação, por isso são poucas as captações. Diferente do rim, por exemplo, que possui um processo menos criterioso de captação para transplante. Ele ainda explica que um coração pode beneficiar até quatro pessoas. “Esse receptor de hoje receberá o coração inteiro, mas existem casos em que o receptor recebe somente válvulas cardíacas. Como há quatro válvulas no coração, a captação pode beneficiar até quatro pessoas na fila de espera”, conclui.

Além do coração, foram retirados para doação o pâncreas, os dois rins, o fígado e as duas córneas do falecido. Ao todo, sete pessoas serão beneficiadas.


1 de setembro de 2014

Atendimento ao paciente com AVC será tema de treinamento no Hospital Municipal São José

O atendimento ao paciente vítima de acidente vascular cerebral será tema de discussão e treinamento no Hospital Municipal São José durante as próximas semanas.

Nesta terça-feira (2) inicia o Curso AVC. A qualificação é organizada a cada dois anos pela equipe interdisciplinar, em conjunto com a residência multiprofissional e os médicos neurologistas do hospital.

No treinamento, será realizada uma revisão geral de neuroanatomia e acidente vascular cerebral, protocolo de atendimento emergencial e escalas utilizadas pela equipe interdisciplinar.

Além disso, será abordada em cada dia de treinamento uma especialidade da equipe e residência multiprofissional, ou seja, medicina, fisioterapia, fonoaudiologia, serviço social, enfermagem, terapia ocupacional, psicologia e farmácia.

Segundo a enfermeira coordenadora da Unidade AVC do Hospital São José, Flávia Schwinden Müller, vários profissionais irão ministrar palestras sobre o tema, entre eles, membros da própria equipe interdisciplinar e residência multiprofissional do hospital, além de profissionais externos convidados.

“Com esse tipo de treinamento, conseguimos uniformizar a comunicação entre as equipes que prestam atendimento do paciente com AVC, elevando ainda mais a qualidade e eficiência desse atendimento”, afirma Müller.

Segundo a enfermeira, o Curso AVC tem ainda como objetivo diminuir o tempo de internação dos pacientes, dando agilidade no processo investigatório até a alta hospitalar.

O Curso AVC ocorre nos dias 02, 03, 04, 09, 10, 11, 16 e 17 de setembro, sempre das 19h às 21h, no auditório do Serviço de Residência Médica, Ensino, Pesquisa e Treinamento do Hospital São José. Todos os servidores da unidade podem participar. As inscrições podem ser feitas esta segunda-feira, dia 1º, no Serviço de Residência Médica, Ensino, Pesquisa e Treinamento do hospital.


25 de agosto de 2014

Hospital Municipal São José apresenta balanço do mês de julho

Estão disponíveis os indicadores do Hospital Municipal São José referentes ao mês de julho. Com essa atualização, é possível visualizar em números os reflexos da greve dos servidores municipais no Hospital Municipal São José.

Em junho, o Pronto Socorro atendeu 2.757 pacientes, bem abaixo da média de 2014, que é de 3.253. No mês de julho, com o atendimento normalizado, o número de atendimentos chegou a 3.384.

No ambulatório de oncologia o reflexo é ainda maior. Com uma média de 3.770 atendimentos mensais neste ano, no mês de junho esse número caiu para 3.479. No mês passado, nesse setor, foram realizados 4,2 mil atendimentos – o maior pico de 2014.

Outros setores apresentaram reflexos significativos entre os períodos de greve e pós-greve. No ambulatório de especialidades foram 4.014 atendimentos em junho – a média deste ano é de 4.514. Já em julho, foram 5.174 atendimentos, o mesmo número do mês de abril, que era o maior pico até então.

Com relação aos procedimentos cirúrgicos, foram 856 em junho, bem abaixo da média de 2014, que está em 1.052. No mês de julho, foram 1.314 procedimentos cirúrgicos realizados.

Sobre os indicadores

Os gráficos podem ser acessados através do link “indicadores”, onde diversos dados sobre o hospital são atualizados mensalmente. Eles são divididos em quatro partes: dados administrativos; atendimentos; auxiliares do diagnóstico e tratamento; mapas interativos.

Dados administrativos: número de servidores, consumo de água, energia elétrica, refeições e lavanderia.

Atendimentos: números e estatísticas de atendimentos por setor, procedência e especialidade.

Auxiliares do diagnóstico e tratamento: números referentes a exames e tratamentos realizados no hospital.

Mapas interativos: disponibiliza os indicadores de forma dinâmica através de um aplicativo geoespacial baseado nas coordenadas do Google Maps. Nos mapas interativos, além de indicadores catalogados por município, estão disponíveis indicadores divididos por bairros de Joinville.


21 de agosto de 2014

Hospital São José terá semana de prevenção a acidentes de trabalho

“Ambiente seguro, trabalhador saudável”. Este é o tema da 1ª Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho (SIPAT) que será realizada pelo Hospital Municipal São José de Joinville a partir de segunda-feira (25).

O evento é organizado pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) e se estende até sexta-feira (29) com palestras todos os dias. Nesta primeira edição os palestrantes serão do hospital, do Hemocentro Regional de Joinville e do Banco de Olhos de Joinville.

Segundo o presidente da CIPA, Alexandre Eduardo Schmidt, a SIPAT tem como meta conscientizar os servidores sobre a saúde e segurança no trabalho, além da prevenção de acidentes. “Esperamos atingir um grande número de trabalhadores, conscientizando-os através das palestras. Além disso, vamos convidá-los a fazer parte da CIPA e a trazer suas críticas e elogios no que diz respeito à prevenção de acidentes de trabalho no hospital”, finaliza Alexandre.

Confira a programação da 1ª Semana Interna de Prevenção de Acidentes:

25/8 – Doações de córneas e cuidados com potencial doador (Banco de Olhos)

26/8 – A Importância da doação de sangue e o cadastro voluntário para medula óssea (Hemocentro Regional de Joinville)

27/8 – O servidor como doador de órgãos (CIDOT)

28/8 – Nutrição e qualidade de vida (Serviço de nutrição)

29/8 – Atuação da CCIH na vigilância do trabalhador: precauções padrão e redução de acidentes ocupacionais com materiais perfuro-cortantes (CCIH)

Conheça o papel da CIPA no hospital

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) é constituída por servidores do hospital eleitos pelos próprios trabalhadores, que tem a finalidade de prevenir acidentes e doenças decorrentes do trabalho. Tem suporte legal no artigo 163 da Consolidação das Leis do Trabalho e na Norma Regulamentadora nº 5 (NR 5), aprovada pela Portaria nº 08/99 da Secretaria de Segurança e Saúde no Trabalho do Ministério do Trabalho e Emprego.

O principal objetivo é observar e relatar as condições de risco nos ambientes de trabalho e solicitar medidas para reduzir ou eliminar os riscos. Seu papel mais importante é o de estabelecer uma relação de diálogo e conscientização entre gestores e trabalhadores, objetivando sempre melhorar as condições de trabalho.

No Hospital Municipal São José a CIPA existe desde 2008.


 ARQUIVO NOTÍCIAS
 
CONTATO: (47)34416666
  ARQUIVO NOTÍCIAS
  LINKS
Paginas: 12345102030...Última »