Como chegar
 Ambulatórios
 Arquivo médico
 Centros cirúrgicos
 Ensino
 Escalas médicas e bucomaxilofacial
 Estrutura
 Gestão
 GTH
 Histórico
 Indicadores
 Internação
 Licitação
 Ouvidoria
 Pronto Socorro
 Mural Funcionários
 WEB
 
22 de maio de 2015

Concluído projeto de prédio de apoio do Hospital São José

Em reunião com representantes do Hospital Municipal São José e da Secretaria da Saúde de Joinville, a equipe de engenheiros e arquitetos da Associação de Municípios do Nordeste de Santa Catarina (Amunesc) apresentou, nesta sexta-feira (22), o projeto do prédio de apoio que será construído anexo ao hospital.

O recurso de R$4.998.740,00 para realização da obra é do Ministério da Saúde, e originário de emenda parlamentar do ex-senador Luiz Henrique da Silveira.

Na reunião, o projeto foi discutido entre engenheiros, arquitetos, servidores que irão exercer suas funções no novo prédio, o diretor-presidente do Hospital São José, Carlos Alexandre da Silva, e a secretária da Saúde de Joinville, Larissão Grun Brandão Nascimento.

“Esta reunião foi o momento para fazermos os últimos ajustes no projeto. Agora o enviaremos para a Vigilância Sanitária para aprovação e, com ele devidamente aprovado, podemos iniciar os processos licitatórios”, explicou a secretária.

O prédio de apoio terá 2.180 m² de área construída e abrigará a farmácia hospitalar, materiais médico-hospitalares e serviço de nutrição dietética, que hoje funcionam em uma estrutura antiga, em dimensões que não atendem mais a atual demanda de atendimento e serviços.

Para Carlos Alexandre, o novo prédio trará um grande avanço para logística do hospital. “São setores que dão vida ao hospital, e possuem uma importância enorme em nossa estrutura de atendimento”, afirma o diretor-presidente.

Com a ampliação, o hospital passará dos 26.252,32 m² para 28.432,32 m². Na nova planta, estarão previstos todos os ambientes necessários para execução desses serviços, conforme RDC 50, legislação específica para reforma e construções em saúde.


20 de maio de 2015

Servidores do Hospital São José fazem visita técnica em unidades da rede Sarah, em Brasília (DF)

Nesta quinta-feira (21), o grupo multidisciplinar de trauma raquimedular (TRM) do Hospital Municipal São José vai à Brasília-DF para uma visita técnica às duas unidades da Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação localizadas na cidade. Os nove servidores viajam a capital federal com o objetivo de buscar novos conhecimentos ligados a reabilitação de pacientes com esse tipo de trauma.

A enfermeira Liliane da Luz explica que o grupo de TRM do Hospital São José tem a função de prestar atendimento multidisciplinar aos pacientes acometidos por lesão medular. “Os profissionais que integram o grupo têm a missão de prevenir complicações pós-lesão e proporcionar maior qualidade de vida a esses pacientes”, explica Liliane.

Segundo o médico ortopedista e coordenador do grupo, Carlos Henrique Maçaneiro, esta é uma grande oportunidade para a equipe, que irá visitar um centro de referência em trauma e lesão medular no Brasil. “A idéia é absorver experiências que possamos trazer para nossa realidade aqui no São José, buscando aperfeiçoar o atendimento ao paciente com trauma raquimedular para que esse possa ser reinserido à sociedade”, explica.

O grupo viaja na madrugada desta quinta-feira para Brasília, e retorna na sexta-feira. A viagem foi custeada pelo Hospital Municipal São José e Secretaria da Saúde de Joinville.

Profissionais do Hospital Municipal São José que irão participar da visita:

Alexandre Cesar da Costa – psicólogo

Amanda Caroline Nass da Cruz – nutricionista

Carlos Henrique Maçaneiro – médico ortopedista

Cristiane Vanderlinde – fisioterapeuta

Heleane de Souza – serviço social

Ivonei Bittencourt – enfermeiro do serviço de ortopedia

Liliane da Luz – enfermeira do serviço de treinamento

Marlei Denise Gebien de Oliveira – terapia ocupacional

Mirian Leonardo Rocha – fonoaudióloga

Sarah Brasília (unidade Centro)


11 de maio de 2015

Taxa de infecção hospitalar no Hospital São José é a menor dos últimos anos

A taxa de infecção hospitalar no Hospital Municipal São José caiu para 2,07% no mês de abril. O número é o menor desde que a média anual da unidade ficou abaixo dos 5% considerados aceitáveis pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em 2013.

Conforme definição do Ministério da Saúde, a infecção hospitalar é aquela adquirida após a admissão do paciente, que se manifesta durante a internação ou após a alta, e que pode ser relacionada com a internação ou com procedimentos hospitalares.

De acordo com a enfermeira coordenadora da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) do Hospital Municipal São José, Renata da Silva Laurett, a comissão trabalha com o objetivo de reduzir ainda mais estes indicadores, mantendo as taxas anuais de infecção hospitalar em patamares mínimos e bem abaixo do limite recomendado pela OMS.

“Estabelecemos como meta manter os índices abaixo de 3%. Este excelente resultado alcançado em abril é fruto de um trabalho contínuo de prevenção realizado por todas as equipes assistenciais, junto à Comissão de Controle de Infecção Hospitalar”, explica a enfermeira.

Segundo Renata, a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar do Hospital São José utiliza diversos programas, manuais, protocolos, entre outras formas de diminuir o risco de infecção hospitalar. Uma delas é o Programa de Prevenção e Controle de Infecção, que tem como objetivo garantir a segurança de todos que circulam pelo hospital.

“Nosso principal objetivo é reduzir as taxas de infecção hospitalar ao mínimo possível, implementando, de forma efetiva, medidas de prevenção cada vez mais eficazes”, completa.


30 de abril de 2015

Hospital Municipal São José tem semana dedicada à enfermagem

Entre os dias 05 e 08 de maio, acontece no Hospital Municipal São José a Semana da Enfermagem, que abordará temas como assistência previdenciária, código de conduta, e comunicação entre enfermagem e paciente em situações criticas.

Os quatro dias de palestras, voltadas aos profissionais de enfermagem do hospital, são organizados pelo Serviço de Residência Médica, Ensino, Pesquisa e Treinamento em conjunto com a Comissão de Ética em Enfermagem do Hospital São José.

De acordo com a enfermeira Liliane da Luz, uma das organizadoras, a Semana da Enfermagem tem como objetivo congregar a categoria, divulgar suas atividades e estudar os problemas de suas práticas diárias. “Os temas abordados são essenciais para melhorar a assistência à saúde da população”, explica Liliane.

Segundo a enfermeira, as semanas da enfermagem anteriores trouxeram excelentes frutos para o hospital. “Houve um retorno positivo no sentido de trazer informação e aprimorar os conhecimentos, melhorando a qualidade na assistência”, completa.


22 de abril de 2015

Hospital São José empossa nova gestão da CIPA

Tomaram posse, nesta quarta-feira (22), os membros que integram a nova gestão da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) do Hospital Municipal São José. São oito servidores eleitos, sete suplentes e sete indicados pela administração da unidade. O mandato vai até 2017.

Segundo o presidente da CIPA, Alexandre Eduardo Schimdt, a comissão tem a finalidade de prevenir acidentes e doenças decorrentes do trabalho. “A CIPA busca tornar permanentemente compatível o trabalho com a preservação da vida, além da promoção da saúde do trabalhador”, explica Schimdt.

Em reunião prévia à posse da atual CIPA, os membros eleitos e indicados definiram que serão organizadas equipes, dentro da comissão, para confeccionar um mapa de risco de todos os setores.

“Na sequência, entre outras tarefas, organizaremos a Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho (SIPAT), que acontecerá no mês de agosto, em data a ser definida”, completa Alexandre.

Para o diretor-presidente do Hospital São José, Carlos Alexandre da Silva, as comissões internas e núcleos, como a CIPA, são de extrema importância para o pleno funcionamento da unidade. “Com base nas sugestões, questionamentos e dados fornecidos por esses grupos de servidores podemos tomar decisões com mais certeza de que serão eficientes e humanas”, salienta.

Membros eleitos

Edemilso Peixer – Pronto Socorro (vice-presidente)

Vandré M. de Oliveira – Gestão de Pessoas

Claudia M. L. Engel – Unidade AVC

Roni A. Schiochet – Centro Cirúrgico Ambulatorial

Daniel Savi José – Manutenção

Peter Willians Cipriano – 3º andar

Claudio Manoel Bernardes – Pronto Socorro

Juliane Lago Urach – Fisioterapia

Suplentes eleitos

Cleuza V. Levandovski – Centro Cirúrgico Ambulatorial

Eder Paul – UTI Neurocirúrgica

José Carmelito Smieguel – Almoxarifado

José Vilmar Schelbauer – Ambulatório de Especialidades

Salete Pacifico Ribeiro – Radioterapia

Luciano de C. Ruiz – Gráfica

Alex Ritzmann – Radioterapia

Indicados pela administração

Alexandre Eduardo Schimdt – Serviço de Arquivo Médico e Estatística (presidente)

Marilei Arruda Martins – 4º Andar (secretária)

Adilson J. Andrzejewski – Patrimônio

Carlos Rafael M. dos Santos – Radiologia

Neuza M. R. de Melo – Manutenção

Jeovane Nascimento do Rosário – Ouvidoria

Carlos G. Reis Ferro – UTI Geral


 ARQUIVO NOTÍCIAS
 
CONTATO: (47)34416666
  ARQUIVO NOTÍCIAS
  LINKS